Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

TERRA MOLHADA

PROMESSA DE FRUTOS MADUROS, DE ABUNDANTES COLHEITAS... BÊNÇÃO DAS PRIMEIRAS CHUVAS DE VERÃO... DOCE PERFUME DE TERRA MOLHADA...

TERRA MOLHADA

PROMESSA DE FRUTOS MADUROS, DE ABUNDANTES COLHEITAS... BÊNÇÃO DAS PRIMEIRAS CHUVAS DE VERÃO... DOCE PERFUME DE TERRA MOLHADA...

AMAR, HIPERVENTILAR

Hoje não consigo escrever sobre ti

Consigo apenas pensar em ti

Hoje não escuto o que dizes

Mas saboreio-te as palavras

Antes que as digas

Porque obturadas

Da forma habitual

Leio-as no teu coração

(Escritas ditas gravadas

Podem ser editadas)

Bebo-as pois na fonte

Borbulhantes espontâneas

Sem aditivos

Despidas de adjectivos

Não processadas

Mas hoje era sobre nós

Que queria falar

Com o coração

Por opção

E porque a dicção

Me titubeia e periclita

Hoje queria

(Hoje quero desejo anseio)

Respirar-te

Hiperventilar

E amar amar amar-te

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.